Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

A quarta noite de shows no palco principal do Parque do Povo em Campina Grande foi um sucesso. As atrações levaram o público a cantar junto com a banda campinense Karkará, o paraibano Marcynho Sensação, o cearense Toca do Vale e o norte-rio-grandense Xand Avião.

O novo layout do Maior São João do Mundo está agradando os visitantes, que gostaram do espaço maior oferecido na área de shows. Maior público do evento até o momento, a festa registrou por volta de 0h30 56.630 pessoas.

A primeira a se apresentar foi a banda Karkará, que tem 22 anos de estrada com a sanfona guiando seu repertório. Três dos cinco integrantes desta banda carregam no sangue o forró do pai Diomedes, o Dedo de Ouro, muito prestigiado no mundo da música devido sua perfeita execução do clássico “Escadaria”. Os integrantes da banda tiveram uma conversa descontraída com a imprensa logo após o show.

“Esse foi só o nosso primeiro show, vem outros 28 por aí nesse período e todos serão nessa pegada. A gente faz o que gosta, se pegar a galera animada e se não, a gente anima também. A gente trabalha e gosta de música, quase todos dessa banda tiveram pai ou avô forrozeiro. Esse é o 16° São João que fazemos em Campina Grande e é sempre como se fosse o primeiro, da aquele friozinho na barriga. A gente sempre se prepara para esse momento formando um repertório pensando nesse palco. Aqui é uma vitrine, todo mundo que toca sonha em subir nesse palco”, ressaltou.

A tração seguinte foi o cantor Marcynho Sensação. Ele foi um dos fenômenos forrozeiros de 2021, estourando com o hit “Rolê”. Aos 25 anos, o cantor saiu de Pilões (PB) para virar um dos cantores mais ouvidos no Brasil. Como um paraibano simpático, ele atendeu a imprensa antes de cantar e falou da carreira.

“Eu que comecei nos bares na cidade onde nasci, estar pela segunda vez aqui, no palco do Maior São João do Mundo, mostrando meu piseiro, não só para Campina Grande, mas para o Brasil todo, é muito gratificante. Estar fazendo show pelo Brasil todo é uma surpresa para mim, que venho de palcos menores. Até nessa entrevista agora estou com aquele frio na barriga! Quando a galera interage comigo, canta minhas músicas, eu relaxo e curto muito esse momento”, disse.

O penúltimo show da noite foi do Toca do Vale, uma das mais fortes expressões do forró das antigas. Ele era analfabeto e foi vendedor de rapadura antes de entrar no mundo artístico. Iniciou sua carreira no Grupo Nordestino de Paulo Ney, onde cantou por 14 anos. Posteriormente, foi vocalista da primeira formação da banda Brasas do Forró. Em 2019, ele foi homenageado em rede nacional de televisão, sendo considerado um dos principais cantores de forró regional do país. Toca falou com a imprensa antes de se apresentar.

“Para mim, tocar no Maior São João do Mundo é muito especial. É o canto que todo artista quer tocar um dia. Qualquer artista tem vontade de estar aqui. Aqui, o São João já está pegando fogo e vai ser uma das melhores festas. Podem esperar que o Toca está chegando e vou meter a chibatada para cima no forró para fazer a galera dançar”, garantiu.

Xand Avião é um dos fenômenos forrozeiros atuais. Em 30 dias, ele fará 33 shows em 11 Estados. Uma das 30 cidades que ele tocou é Campina Grande. No repertório, Xand levou os brasileiros numa imersão cultural pelas maiores festas de São João do país. Segundo ele, está vivenciando um dos momentos mais especiais da carreira. Antes do Xand se apresentar, ele falou com a reportagem da Arte Produções. Segundo ele, sua grande referência do forró é Luiz Gonzaga.

“A primeira vez que eu vi Luiz Gonzaga foi ao vivo, pessoalmente. Tive o prazer de conhecê-lo, pois eu morava em Exu (CE). Meu pai me levou para conhecê-lo. Quando ele estava no fim da carreira, preferiu voltar a morar em Exu. Todo domingo era sagrado ele pegar a sanfona e tocar pro povo. Eu tinha seis ou sete anos de idade e lembro demais daquela divindade tocando sanfona. Meu pai tem foto com ele. Então, eu tive a honra de apreciar o Rei do Baião, e isso que me fez enveredar pelo mundo do forró. Hoje aqui, vamos fazer novamente uma homenagem a ele”, concluiu.

Domingo de mais forró no Parque do Povo

Neste domingo (2) à noite haverá mais forró para o público que mais dança na cidade de Campina Grande. Com sanfona e animação, subirão ao palco Henry Freitas, Zé Vaqueiro, Iguinho e Lulinha e Bonde do Brasil. Os shows do palco principal começam a partir das 19h.

Antes, o palco cultural inicia a partir das 18h e mostrará os shows de Veroynca Rios, Ítalo Alves e Alberto Bakana. Haverá ainda trios de forró pé de serra nas três ilhas Seu Vavá, Zé Bezerra e Zé Lagoa, além de emboladores de coco em dois coretos, um deles após a ponte, na entrada do Parque Evaldo Cruz.