Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

Aberta oficialmente no dia 29 de maio, data do começo dos festejos d’O Maior São João do Mundo, pela Prefeitura de Campina Grande, por meio da Coordenadoria da Mulher, a campanha “Forró sim, Assédio não” registra uma das mais tranquilas de todas as edições.

A campanha Forró Sim, Assédio Não, da Prefeitura de Campina Grande, executada pela Coordenadoria da Mulher, foi destaque nesta segunda-feira, 10, no programa jornalístico Bom Dia Brasil, da TV Globo, exibido de segunda à sexta-feira às 8h30 da manhã.

Gravada no último sábado, 8, a matéria, apresentada pelo repórter Artur Lira, abordou a importância da campanha, entrevistou pessoas no Parque do Povo e veiculou uma sonora com a coordenadora da Mulher de Campina Grande, Talita Lucena, que abordou em sua fala a tranquilidade da campanha, o apoio às mulheres durante os festejos juninos e todo o trabalho educativo.

Até o momento a campanha, criada com objetivo de orientar sobre como identificar e denunciar práticas de importunação sexual, não registrou nesses primeiros dias de festa nenhuma denúncia sobre qualquer tipo de violência contra a mulher, fato que comprova a tranquilidade d’O Maior São do Mundo edição 2024.

A campanha está sendo considerada um sucesso e vem ganhando adesão de centenas de pessoas, incluindo os barraqueiros do Parque do Povo, que estão orientados sobre como agir em casos de presenciar atos de violência contra mulher. Além da repercussão em diversos órgãos de imprensa regionais, a campanha Forró Sim, Assédio Não se tornou um exemplo para muitos municípios do Brasil e reconhecimento internacional da ONU desde que foi lançada.

As pessoas abordadas no Parque do Povo, distritos e outros espaços públicos onde ocorrem eventos relacionados ao Maior São do Mundo, recebem orientações das equipes de trabalho que envolve cerca de 150 pessoas, dispõe de uma equipe multidisciplinar composta por advogadas, psicólogas e assistentes sociais, além de 70 voluntários, embaixadores sociais e a Ronda da Mulher para atuar em casos de constatação de violência.

Para Talita Lucena, coordenadora da Mulher, toda a tranquilidade e sucesso da campanha são atribuídos ao trabalho preventivo e apoio do prefeito Bruno Cunha Lima e da primeira-dama, Juliana Cunha Lima, além do acolhimento da população e de outros órgãos nacionais.

“Nós temos este ano, por exemplo, a Central de Atendimento à Mulher, o disque 180, com uma equipe em nosso stand localizado na Cidade Cenográfica do Parque do Povo”, informou Talita Lucena. A Central recebe ligações e repassa para o WhatsApp da Coordenadoria (83) 9 9307-8361. As ligações são gratuitas e sigilosas.