Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

A Prefeitura de Campina Grande entregou oficialmente à população a obra de reforma da Unidade Básica de Saúde Tambor I. A solenidade foi realizada na noite dessa sexta-feira, 3, e foi conduzida pelo prefeito Bruno Cunha Lima.

A UBS Tambor I está completando 30 anos de fundação neste mês de maio e foi uma das três primeiras unidades a serem implantadas na cidade no antigo Programa de Saúde da Família, que deu origem à Estratégia de Saúde da Família. Ou seja, essa é uma das primeiras UBS de Campina Grande.

A unidade havia sido reformada em 2011 e apresentava problemas estruturais por causa das chuvas e em função da falta de manutenção decorrente da pandemia da covid-19. O prédio foi reestruturado e a recepção ganhou até climatização com ar-condicionado. A unidade tem ainda auditório, farmácia, consultórios médico e de enfermagem, consultório odontológico, sala de vacinação, sala de triagem, de curativos e procedimentos e sala de exame ginecológico.

Outra novidade é a implantação de uma segunda equipe de ESF na unidade, o que ampliou o horário de funcionamento para 7h às 19h. Com isso, a área de abrangência também aumentou e a população referenciada assistida passou de 4 mil para 5 mil, aumentando a oferta de atendimento e a qualidade, já que cada equipe fica responsável por uma parte do bairro. A expansão é fruto do programa APS do Futuro com o projeto Campina Atende Mais, que está ampliando de 121 para 203 o número de equipes de ESF em Campina Grande, levando a 100% de cobertura na Atenção Básica.

Essa é a unidade de número 53 requalificada pela gestão municipal do prefeito Bruno Cunha Lima, entre reformadas, implantadas, construídas ou realocadas. “Se tem problema com estrutura predial de UBS, nós resolvemos”, disse o prefeito. Outras 9 unidades vão ser reformadas através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) e duas UBS vão ser reconstruídas.

Participaram da solenidade o prefeito; Bruno Cunha Lima; o secretário de Saúde, Carlos Dunga Júnior; o deputado estadual Sargento Neto; o representante local do Tambor, Francisco Moreno; o representante do Orçamento Participativo, Laerte Rodrigues; os vereadores Pastor Luciano Breno e Aldo Cabral e o superintendente da STTP, Vitor Ribeiro.