Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

O presidente do PSDB na Paraíba, deputado Fábio Ramalho, disse que a ação movida pela Executiva Nacional da legenda contra a posse do deputado Adriano Galdino (Republicanos) para o 2º biênio da Casa de Epitácio Pessoa foi um “equívoco do jurídico da sigla”.

O dirigente disse que o processo visava anular a eleição de uma Assembleia de outro estado. Segundo Fábio, na quinta-feira (02) o partido vai pedir a retirada do processo em trâmite no Supremo Tribunal Federal (STF) para anular a posse de Galdino.