Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

A Prefeitura Grande intensificou, já nas primeiras horas desta segunda-feira, 15, várias ações de combate aos desdobramentos causados pelas fortes chuvas ocorridas no Município. As ações se concentraram, principalmente, no trecho do Canal de Bodocongó, na Ramadinha III e nas proximidades da Ponte do Cruzeiro. De acordo com o secretário de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, Geraldo Nobre, o grande volume de água chegou a invadir algumas residências.

“O secretário Fábio Thoma, da Semas já está com uma equipe, fazendo os levantamentos para que essas pessoas não fiquem prejudicadas. Por parte da Sesuma, estamos com equipamentos retirando algum material que possa ter ficado retido às margens do canal”, destacou o secretário Geraldo Nobre.

Ele também fez questão de salientar que todos os canais estavam limpos e que o transtorno foi causado pela intensidade da chuva, em um curto espaço de tempo. A STTP atuou controlando o trânsito nos locais onde o serviço está sendo realizado, já com tráfego totalmente liberado.

Equipes da Defesa Civil e da Secretaria de Obras (Secob) também acompanharam de perto toda a ação. De acordo com Joab Machado, a intersetorialidade agiliza os trabalhos, minimizando os transtornos. Ele também destacou novas obras que devem acontecer ainda esse ano.

“Muita chuva nos últimos dias, uma precipitação atípica para essa época do ano. O sistema acaba não comportando. A Secretaria de Obras, junto com a Sesuma, vem fazendo a limpeza dos canais. Esse ano ainda vamos licitar o Canal de Santa Rosa, conjugado ao Canal de Bodocongó”, informou o secretário de Obras, Joab Machado.

A Secob garantiu que essas ações de médio e longo prazo garantirão que todo o sistema de drenagem, da cidade, trabalhe de forma mais efetiva. Joab Machado também fez um apelo para que a população evite jogar lixo nos canais e nas galerias. “Essa ajuda da população é necessária para quando houver uma chuva, dessa magnitude, o sistema consiga comportar toda a vasão”, ressaltou.