Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

Entre os dias 10 e 12 de janeiro, o presidente da FIEPB, Francisco Gadelha e a superintendente do SESI PB, Marinalda Adjuto receberam o superintendente de Educação do SESI Nacional, Wisley Pereira que veio à Paraíba participar do Encontro de Educação e Planejamento anual pedagógico da Escola SESI, que nesta edição teve como tema “Educação para os novos futuros: diálogos, ideias e conexões”.

Durante o evento que aconteceu na sede da Federação, em Campina Grande, o representante do SESI Nacional conheceu projetos desenvolvidos nas Escolas SESI da Paraíba, a exemplo do Labenem, MIC, MAC, Iniciação Cientifica, bem como as iniciativas com o uso da Robótica em sala de aula. Ações que foram apresentadas pela equipe pedagógica.

“São projetos de extrema importância que para além do ensino de qualidade colaboram com o desenvolvimento de aprendizagens com inovação, e leva os estudantes da rede SESI a ter acesso aos seus projetos de vida. E isso ficou demonstrado no desempenho dos estudantes no último ENEM, sobretudo pelas excelentes notas nas redações. Ou seja, aqui na Paraíba percebo a excelência de um trabalho pedagógico de extrema relevância realizado pelo time de coordenadores, professores, algo que é significativo, e inspiracional para outros Departamentos Regionais do SESI pelo Brasil”, ressaltou.

Ainda cumprindo agenda no estado, o superintendente de Educação do SESI Nacional visitou as obras da nova Escola SESI de Bayeux que será inaugurada este ano. E foi informado pelo presidente da FIEPB, e pela superintendente do SESI PB, Marinalda Adjuto, da instalação de mais uma Escola na Paraíba, dessa vez no Centro Histórico de João Pessoa.

“Ter uma escola em João Pessoa é de extrema relevância, pois com essa ampliação, a Escola SESI passa a ser a maior rede privada de ensino do estado, e a capital da Paraíba passará a ter um estabelecimento de ensino moderno, que entregará para a população da capital, uma Educação de Qualidade. E são esses estudantes que ao passar pelo SESI vão colaborar para que a indústria local seja cada vez mais inovadora”, disse Wisley Pereira.