Compartilhe as últimas notícias do Brasil!

Na última quinta-feira (9), a Prefeitura de Campina Grande, representada pelo secretário de Planejamento, Felix Araújo Neto, participou de uma reunião com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Secretaria de Obras do município. O encontro, que aconteceu na sede do Instituto em João Pessoa, teve como principal pauta a discussão de melhorias para o Centro da cidade, abrangendo áreas como o Centro Histórico, o Grande Hotel e a Praça Coronel Antônio Pessoa.

Felix Neto ressaltou o compromisso do prefeito Bruno Cunha Lima com o desenvolvimento da região central e deu detalhes sobre a reunião no Iphaep. “Entregamos para análise do Iphaep o projeto para requalificação da Praça Coronel Antônio Pessoa (Praça da Morgação), assim como pedimos ao Instituto que participe da discussão sobre a revitalização do centro da cidade, como determinado pelo prefeito Bruno, que tem dialogado com a CDL sobre as melhorias naquela área tão importante para a economia do município.”

O presidente da CDL, Eliézio Bezerra, expressou sua satisfação com os resultados da reunião, destacando a importância do diálogo para o progresso do município: “Foi uma reunião muito produtiva. Encontramos uma nova forma de dialogar e construir. Nenhum município ou Estado pode pensar no progresso quando a gente está isolado. Ficamos com o sentimento de dever cumprido, de uma viagem até a Capital para tratar das nossas demandas e encontrar soluções para o centro da nossa cidade. Agradeço demais ao secretário Felix por fazer com que essa reunião acontecesse, como também a Joab, que também se empenhou nisso.”

Vale ressaltar que o Centro de Campina Grande é tombado como patrimônio histórico pelo Iphaep e concentra uma importante parcela dos empreendimentos comerciais da cidade. O prefeito Bruno Cunha Lima tem dialogado com a CDL para viabilizar melhorias para aquecer a economia local, reforçando o compromisso com o crescimento e fortalecimento econômico da cidade.